UPP: Última chamada. Visões e expectativas dos moradores de favelas ocupadas pela Polícia Militar na cidade do Rio de Janeiro

O texto analisa os resultados da quarta e última rodada da pesquisa do CESeC sobre as UPPs. Desta vez, foram ouvidos não mais os policiais, como em 2010, 2012 e 2014, mas os moradores dos 37 territórios com UPP do município do Rio de Janeiro. O levantamento, realizado de 8 de agosto a 25 de outubro de 2016, aplicou um questionário de 56 perguntas a uma amostra domiciliar aleatória de 2.479 pessoas com 16 anos ou mais de idade residentes nesses territórios. Seus resultados mostram  as visões, avaliações e expectativas dos moradores acerca da presença contínua da polícia nas comunidades, num momento em que o projeto já se encontra em franca deterioração.

Hoje, o cenário da segurança pública no Rio de Janeiro é desolador e, em meio à crise política e econômica do estado e do país, parece irrealista qualquer aposta na salvação das UPPs via correção dos erros cometidos e resgate dos seus objetivos originais. Entretanto, os resultados da pesquisa mostram que é exatamente essa retomada o que a maioria dos moradores deseja, mesmo não tendo muita esperança de que venha de fato a ocorrer.

 

Baixe o texto completo

pdf

Mais Livros