Letalidade policial e pessoas desaparecidas no Rio de Janeiro

Objetivo geral

  • Conhecer melhor – atualizando e complementando outros trabalhos sobre o tema – a dinâmica das mortes por intervenção policial (MIPs) no Estado do Rio de Janeiro, especialmente na Região Metropolitana, no período 2006-2018, e verificar possíveis relações entre essas mortes, os homicídios comuns e os registros de desaparecimentos no estado.

Objetivos específicos

  1. Analisar detalhadamente os microdados do ISP-RJ sobre MIPs (perfil das vítimas, distribuição geográfica e evolução temporal).
  2. Verificar se há nexos entre a incidência de MIPs, de homicídios dolosos e de registros de desaparecimento, quanto aos perfis das vítimas, aos locais das ocorrências e à sua evolução temporal.
  3. Verificar se há relações entre MIPs, desaparecimentos e áreas dominadas pelo tráfico ou por milícias
  4. Realizar estudos de caso sobre uma ou mais AISPs com maior incidência de MIPs.

Fontes

  • Microdados do ISP
  • Mapeamento de notícias na imprensa sobre operações e mortes provocadas pela polícia, feito pela Rede de Observatórios da Segurança
  • Pesquisa articulada pelo Forum Brasileiro de Segurança Pública sobre mortes por intervenção policial em quatro estados brasileiros, incluindo o do Rio
  • Estudos anteriores sobre o tema
Mais Projetos